O que é e para que serve grama sintética para condomínio

grama-sintetica-para-condominio-paisagem-verde

O uso de materiais sintéticos no paisagismo representa uma grande economia para diversos tipos de construções, quadras de esportes, residências, entre outros. Por isso, não é de se estranhar o uso cada vez mais frequente de grama sintética para condomínio, além da praticidade, esse material representa o corte de gastos em diversos aspectos referentes à manutenção do ambiente.


A grama sintética para condomínio é utilizada como parte da decoração de jardins externos e internos e, muitas vezes, aplicada na cobertura das construções. É uma ótima opção para quem procura um material versátil, resistente, prático, que traga beleza sem os altos custos que a instalação e manutenção da grama natural possuem.


Diversas matérias-primas são utilizadas na fabricação da grama sintética, mas a principal em gramados sintéticos de alta qualidade é o polietileno (PE), podendo ser mesclado à poliamida (PA) ou substituído por polipropileno (PP), mas estes dois últimos materiais não possuem a qualidade necessária para produção de fibras de grama. Outro material importante utilizado na mistura é o grânulo de plástico, que é misturado a aditivos estabilizadores UV e corantes, fornecendo proteção à luz do sol e cor próxima à natural, sucessivamente. 

grama-sintetica-para-condominio-tematica-decoracao

A mistura dos materiais acima citados dá origem a dois tipos de grama sintética, a fibrilada e a de monofilamento.


• Grama sintética fibrilada: é composta por um conjunto de filamentos, que podem ser comparados a uma fita sintética mais larga. Geralmente, é aplicada em gramados sintéticos decorativos, sendo, portanto, uma grama sintética para condomínio, residências, hotéis, playgrounds, entre outros. Dependendo da metragem, pode ser aplicada em campos de golfe e quadras de tênis.

• Grama sintética de monofilamento: é composta por um fio único e geralmente é aplicada em campos de futebol society, por ser um tipo de grama sintética mais resistente a impactos. O fio único possui comprimento, peso e largura de fibras combinados e calculados para formar o Detex, e, após esse processo, os filamentos são preenchidos por um material de borracha de forma a deixar toda a grama sintética com a mesma altura.


Visto pelo lado da sustentabilidade, a grama sintética para condomínio representa menos impacto ao meio ambiente, pois, ao utilizar grama natural, o gasto com água utilizada para irrigar o gramado é imenso. Para ter uma ideia, uma média de 12.700 litros de água é utilizada para regar a grama de um campo de golfe a cada nova rodada; porém, quando substituída por grama sintética, o desperdício desse recurso natural cai para 0.


Os principais custos de manutenção que são cortados ao optar por grama sintética para condomínio são: adubo, areia, sistema de irrigação (indispensável em gramados decorativos de grama natural), limpeza, e, claro, mão de obra. 

Diferenciais e aplicações de grama sintética para condomínio

Fale com nossos especialistas em grama sintética para condomínio

Gostou de saber um pouco mais sobre a grama sintética para condomínio, mas ainda tem dúvidas? Fale com nossos especialistas, tire suas dúvidas e descubra outras vantagens da grama sintética em ambientes decorativos. Você que já usa grama sintética em seu condomínio, mas não está satisfeito, envie-nos comentários sobre o que está acontecendo. Quem sabe não possamos ajudá-lo?

Localização

R. Belchior de Godói, 316

Vila Matilde

11 4301-5584 | 11 4301-5585

www.magicgramas.com.br